Dicas para melhorar a conexão Wi-Fi

Sempre que o sinal de wi-fi falha nós pensamos que o problema é da operadora, mas alguns deles são bem mais fáceis de resolver, e você mesmo pode tentar para melhorar o sinal da internet na sua casa.
 
Um jeito de identificar a fonte do problema é conectar o computador ou notebook direto no cabo de rede e usar programas que medem a velocidade da internet, disponíveis em vários sites. Se a velocidade da rede cabeada e no Wi-Fi estiverem muito diferentes, há grandes chances de o problema estar em casa.
 
 
Depois de conferir isto, siga os próximos passos:

 
 
1. Coloque o roteador no centro da casa
 
A rede Wi-Fi usa ondas de rádio comuns para transmitir dados da internet, que são irradiadas em todas as direções pelo roteador, então qualquer obstáculo no meio do caminho como uma parede ou um móvel, por exemplo, pode reduzir a potência do sinal.
 
Como não é possível eliminar todas as barreiras fisícas, o ideal é posicionar o equipamento o mais central possível em relação aos usuários ou colocá-lo no alto para evitar que ele fique no nível dos móveis. Isso também ajuda a distribuir melhor o sinal de Wi-Fi, porque as ondas de rádio descem com mais facilidade do que sobem.
 
 
2. Escolha o canal menos congestionado
 
Em prédios com muitos apartamentos é possível que haja interferência entre as redes dos vizinhos, pelo motivo de que a maioria dos equipamentos de Wi-Fi trabalham em canais de frequência na faixa de 2,4 GHz. Mas os roteadores contam com seis a doze canais para transmitir a conexão de internet, então basta selecionar um equipamento que funcione em outra frequência.
 
Caso a residência tenha mais de um roteador, o ideal é que eles operem em canais diferentes. Além disso, fique de olho em outros aparelhos que podem interferir na qualidade do sinal de Wi-Fi, por exemplo, telefones sem fio e fornos de micro-ondas, que utilizam faixas de frequência próximas a 2,4 GHz, estes devem ser mantidos longe do roteador.
 
 
3. Proteja a rede de dispositivos intrusos
 
A velocidade da internet também depende da quantidade de aparelhos conectados. Pode ser que a causa da perda de desempenho de conexão esteja relacionada a outras pessoas que estão se aproveitando da sua rede Wi-Fi, sem autorização. Para impedir, é importante manter o roteador sempre atualizado e reforçar as configurações de segurança, como senhas mais longas e que utilizam vários tipos de caracteres e também ativar recursos de criptografia e de ocultação do nome da rede.
 
 
Se depois de todas estas medidas tomadas o sinal do Wi-Fi ainda estiver falhando, considere instalar outro aparelho roteador, ou ampliadores de sinais Wi-Fi e entre em contato com a sua operadora para solucionar o problema.
 
Fonte: Estadão