Navegação anônima: Entenda como funciona esse recurso

Você sabe o que é navegação anônima?
 
Navegação anônima é um recurso presente na maioria dos browsers atuais (ex: chrome, firefox, mozilla, internet explorer…) que impede o armazenamento de algumas informações, tais como sites acessados e cookies, no histórico do computador. Esse recurso oferece maior privacidade para o usuário, principalmente aqueles que utilizam computadores do trabalho, escola ou compartilham uma máquina. Mas o modo anônimo não “esconde” tudo de curiosos.
 
Entenda como funciona:
 
Quando estamos na internet, fazendo pesquisas, acessando e-mail ou redes sociais, os navegadores criam um banco de dados com uma série de informações que são salvas no computador. É por causa desse banco de dados que conseguimos encontrar com facilidade os sites que acessamos no histórico de navegação, os links dos downloads que fazemos, e os cookies, que, por exemplo, fazem com que não precisemos logar no facebook ou e-mail todas as vezes que fecharmos o nosso navegador.
 
Modo anônimo e modo visitante
 
O modo anônimo evita que todos os seus acessos fiquem salvos no histórico do computador. Por exemplo, ao ativar o modo anônimo no Opera, Safari, Firefox ou Chrome, as informações sobre quaisquer pesquisas e cookies não serão armazenadas no computador, e por isso, não serão geradas propagandas relacionadas às suas pesquisas. Porém, ainda são encontradas falhas nesse recurso.
No Chrome, por exemplo, se você estiver logado na sua conta na janela anônima, as informações de suas pesquisas serão armazenadas no histórico de pesquisas. Um meio de contornar esse problema é ativar o modo visitante, já que ele demonstra ser mais efetivo que o modo anônimo. Nele, o histórico e outras informações confidenciais como senhas salvas no navegador, não serão disponíveis.
 
Navegador anônimo
 
Apesar de esconder algumas informações, o modo anônimo não é totalmente seguro. Decisões judiciais podem pedir ao seu provedor o seu histórico a partir do número do IP. Por causa disso, a utilização de navegadores anônimos está ficando cada vez mais popular. Um exemplo é o Tor Browser, que mascara o IP, não salva cookies e bloqueia a “vigilância” das publicidades.
 
Autora: Letícia Menezes - Trainee de Comunicação no NCD
Fonte: www.techtudo.com.br/

Category: